Postado em 04/06/2019 00:00

Guamá esclarece sobre dinâmica da retomada da operação no aterro

 

 

 

Guamá esclarece sobre dinâmica na retomada da operação 

A Guamá Tratamento de Resíduos está operando por meio de alteamento autorizado em célula já existente. A empresa respeita a decisão do Tribunal de Justiça do Estado do Pará na ação cautelar do município de Belém, mas irá recorrer da referida decisão que a obriga a continuar recebendo resíduos no aterro sanitário por mais quatro meses. 

A Guamá também alertou sobre os riscos desse procedimento às autoridades, prefeituras e Ministério Público. Desta forma, a empresa está fazendo o monitoramento diário das operações. Caso ocorra qualquer instabilidade no maciço, os serviços de destinação final deverão ser interrompidos para garantir a segurança ambiental do aterro sanitário.

Demanda - Em função da grande demanda das prefeituras, pelo acúmulo de resíduos gerados nos últimos dias, carros coletores estão chegando ao aterro em comboio, ocasionando filas, principalmente nos horários de pico. A empresa ressalta que tem tomado todas as medidas para garantir a segurança operacional e ambiental do aterro sanitário e que a compreensão de todos os envolvidos é fundamental neste momento. 

 

Comentários 0